Medos e Insegurancas

Como lidar com os medos e inseguranças na infância

O medo é uma emoção primária que tem como função proteger-nos face a situações de perigo (perigo real ou imaginário). A maior parte dos medos infantis são normais e passageiros e fazem parte do desenvolvimento cognitivo e emocional da criança. O medo manifesta-se de formas diferentes, consoante a faixa etária da criança.

Quais os medos e inseguranças mais comuns na infância?
  1. Presença de estranhos
  2. Separação ou morte dos pais
  3. Animais
  4. Dormir sozinho
  5. Medo do escuro, monstros ou fantasmas
  6. Injeções
  7. Quedas
  8. De se perderem ou ficarem sozinhos
  9. Ladrões
  10. Ruídos como trovoada, foguetes ou fogo de artifício
  11. Água (mar, piscina)
  12. Máscaras
  13. Rejeição social
  14. Lidar com situações novas

O importante é não desvalorizar os medos da criança, por se saber que é apenas uma fase ou por se achar que são medos injustificados. Isso só vai causar-lhe mais sofrimento, quando o que a criança precisa é de se posicionar face às suas inseguranças e temores, adotando estratégias apropriadas.

Como pode ajudar o seu filho a superar os medos e inseguranças?
  1. Transmita segurança e ofereça o seu apoio.
  2. Converse sobre aquilo que o assusta ou aflige.
  3. Procure conhecer os seus sentimentos e temores.
  4. Leve-o a experimentar coisas novas e acompanhe-o, de forma a romper resistências.
  5. Não faça comparações com outras crianças.
  6. Não desvalorize os medos do seu filho. Acolha-os de forma sincera. Contudo, não lhes dê uma importância desmensurada.
  7. Ajude-o a confiar nas pessoas que passam mais tempo com ele (tios, avós, professores, colegas, etc).
  8. Quando tiver que se ausentar, abrace-o e tranquilize-o.
  9. Não o force a contactar com aquilo que lhe provoca medo. Em vez disso, crie uma rotina que o tranquilize antes das situações que lhe provocam receio.
  10. Não alimente mais medos com expressões como “se não comes, a doutora dá-te uma pica” ou “se não te portas bem, vou chamar o polícia”.
  11. Responda às suas inseguranças num tom calmo e reconfortante.

Os medos e inseguranças podem ser superados com a ajuda do Coach Infantil e sempre com o apoio dos pais. Se necessitar de ajuda, inicie um processo coaching infantil ou de coaching parental. Encontro-me em Lisboa, Carcavelos e Paço de Arcos.

Vamos falar?

 

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *